Páginas

Follow by Email

sábado, 21 de maio de 2011

O Amor é fo...go! (paráfrase com o poema de Camões)


O Amor é fogo que queima sem arder
é ferida que arde sem doer,
e também que se abre sem medidas,
é acabar com as unhas de tanto roer.
É dizer: num tô com sono e nem quero comer!

Ah...o Amor, é um bem querer no começo,
um dengo de lá e de cá que dá gosto de ver,
mas que dpois de um tempo, vira tudo do avesso,
há fins e recomeços, há "nunca mais quero te ver"
Porém logo tudo volta e começa novo apreço.

E por fim se fica preso por vontade
ou até mesmo por não ter coragem
de dizer a verdade que não foi dita por vaidade..

Oh! Amor que na verdade é medo ou saudade
que não se contenta em ficar contente só.
Mas que é raro a lealdade, não importa em qual idade,
é desta que se firma o Amor de verdade. (V.C)